sábado, 1 de setembro de 2012

A Tempestade





Uma peça de William Shakespeare, escrita em 1611, serviu de base para este filme que conta a história do náufrago Próspero e sua bela filha Miranda, moradores de uma ilha grega isolada. Próspero é, na verdade, um sábio duque de Milão que após vinte anos de exílio forçado usa seus conhecimentos mágicos para provocar uma tempestade que levará o barco daqueles que o traíram até a ilha onde vive. 




Nessa adaptação da diretora Julie Taymor, a personagem central é uma mulher, Próspera – e entre os séculos 16 e 17, as mulheres que praticam mágicas ou alquimia são frequentemente acusadas de bruxaria. Próspera é traída pelo próprio irmão e atirada dentro de um navio com a filha de quatro anos de idade, indo parar numa ilha isolada . É onde ela vai confronta-se com personagens nos quais a luta não é pela força dos músculos, mas sim do intelecto.




A trama é toda permeada por histórias de bruxaria e vingança, sendo, talvez, a mais mística e mágica das obras de Shakespeare.



2 comentários:

  1. Vindo de você, Mely, senti-me convencido de que vale a pena ver esse filme.

    Ótima semana mais curta para todos nós!

    ResponderExcluir
  2. Hummmm....acho que vou assistir esta tempestade.


    Obrigada!


    Beijo

    ResponderExcluir